O Crime Foi Na Avenida Prefeito Omar Sabbag, Em Frente Ao Jardim Botânico E Pouco Antes Da Br-277.

Leia também: Saiba o que dizem os aplicativos de transporte sobre segurança de motoristas As ocorrências consternaram os colegas de profissão, que pediram melhorias no nível de segurança dos aplicativos e ação mais ostensiva da polícia. Entre as sugestões levantadas estão a instalação de um botão de pânico no aplicativo, sistema mais rigoroso para o cadastro de usuários, pagamento somente com cartão e abordagens da Polícia Militar e Guarda Municipal nos carros com a identificação dos aplicativos, o que é obrigatório em Curitiba. Um grupo de motoristas levou essas demandas diretamente ao escritório regional da Uber em Curitiba e a autoridades locais, em audiência com representantes da Secretaria da Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná (Sesp) e com o secretário Municipal da Defesa Civil, Guilherme Rangel. “Vamos convocar o pessoal dos aplicativos e servir como interlocutor”, garantiu Rangel. Ele afirmou que na próxima semana irá se reunir com representantes das empresas e transmitir os pedidos dos motoristas. Além disto, vai pedir mais colaboração durante as investigações. Para ele, existe resistência no fornecimento de informações à polícia.

De muletas, suspeito de assalto é preso depois de arrastão a ônibus em Curitiba Assalto foi por volta das 22h15 de quinta-feira (1º); outros dois suspeitos conseguiram fugir. Três ladrões fizeram um arrastão em um ônibus do transporte coletiva no bairro Jardim Botânico, em Curitiba, por volta das 22h15 de quinta-feira (2). Um suspeito foi preso. Ele é deficiente físico e usava muletas no momento do crime, de acordo com o Sindicato dos Motoristas e Cobradores nas Empresas de Transportes de Passageiros de Curitiba e Região Metropolitana (Sindimoc). O crime foi na Avenida Prefeito Omar Sabbag, em frente ao Jardim Botânico e pouco antes da BR-277. Ao menos dois homens participaram da ação, de acordo com a Polícia Militar (PM). Eles entraram no ônibus que fazia a linha Petrópolis/Ouro Verde, e anunciaram o assalto. Os criminosos fugiram levando R$ 42,50 do caixa do ônibus, além de pertences pessoais de passageiros, como documentos, dinheiro e celulares, e fugiram. Um carro da PM em patrulhamento abordou um suspeito na Rua Paschoal Bordignon, que foi levado ao coletivo e reconhecido pelas vítimas como um dos autores.

Ainda de acordo com o órgão, na avaliação referente aos 15 aeroportos, 91% dos entrevistados classificou os terminais como “bons”, o equivalente a nota 4, ou “muito bons”, nota 5. O terminal de Curitiba, primeiro na avaliação, obteve nota 4,77. Viracopos aparece com 4,76; Confins e Natal vêm empatados com 4,48. Já o Santos Dumont obteve nota 4,43. O aeroporto de Salvador (Luís Eduardo Magalhães), teve avaliação de 3,91. Prós e contras.

curitiba